quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Madeline Albright confrontada sobre os crimes do Grupo Bilderberg e da Nova Ordem Mundial incluindo o 9/11

Madeline AlbrightImage via Wikipedia

Madeline Albright confrontada sobre os crimes do Grupo Bilderberg e da Nova Ordem Mundial incluindo o 9/11.

Madeline Albright foi confrontada e exposta como uma figurante da Nova Ordem Mundial por uma coalizão de ativistas da WeAreChange de Ohio e Chicago. Enquanto os ativistas tentavam perguntar a ex-Secretária de Estado algumas questões investigativas, eles foram empurrados e agredidos pelo séquito de Albright.

Albright falou na livraria Borders em Chicago na quarta-feira, 7 de outubro, para vender seu livro e fazer propaganda para o público.

Albright, que é diretora do Conselho de Relações Exteriores (CFR, em inglês) controlado pelo Rockefeller/Governo Britânico, foi informada que o povo americano não apoiaria um outro ataque de falsa bandeira como o de 9/11.

Anthony da WeAreChange de Ohio se levantou e perguntou a Albright sobre sua aparição na conferência do Grupo Bilderberg em 2008 em Chantilly, na Virgínia. A princípio, Albright mentiu e disse que ela não foi a reunião, mas testemunhas tinham filmado sua chegada ao encontro secreto.

Quando notificada desse fato ela voltou atrás e disse que "entrou para apanhar alguém".

Albright pode estar hesitante em admitir sua ligação com o Grupo Bilderberg porque as evidências mostraram que os membros do Grupo Bilderberg intencionalmente planejaram quebrar a economia dos Estados Unidos com o objetivo de consolidar o poder econômico deles. No filme "The Obama Deception" de Alex Jones, o autor Daniel Estulin declarou que na conferência de 2006 os membros do Grupo Bilderberg admitiram que o grupo estivesse planejando manipular o mercado de habitação, criar flutuações do preço do óleo, e finalmente quebrar a economia.

Sua presença na reunião do Bilderberg também seria considerada uma violação a Lei de Logan, que proíbe cidadãos dos Estados Unidos de interagir com governos estrangeiros sem a autorização dos Estados Unidos.

Albright e seu séquito pareciam pensar que ela somente ia pegar questões superficiais de um público servil. Anthony da WeAreChange de Ohio declarou enfaticamente, "foi muito interessante logo que eu perguntei a ela sobre Bilderberg, eles disseram 'você não pode fazer nenhuma pergunta' e me empurraram para longe!" Ambos Anthony e Steve da We Are Change foram imediatamente retirados assim que começaram a questionar Albright.

Fonte: www.prisonplanet.com


Reblog this post [with Zemanta]

Nenhum comentário:

TECNICAS DE CONTROLE MENTAL